Recostou a cabeça
Em meu peito.
Fechou os olhos pequenos…
Fez um silêncio profundo.

“Seu coração bate
Como sinos
De uma igreja”

-disse.

É por ti, suspirei.
É por ti…


Poesia anterior:    46. Quando você chega
Próxima poesia:     48. Antes que termine o dia
Print Friendly, PDF & Email