Artigos marcado com ‘prece’

110 of 18 items

205. Viver sem amargor

por

Senhor, ao me criar, me destes um coração de carne,
sensível às necessidades do outro,
capaz de amar e perdoar, de sentir e se compadecer.
Por isso, te peço: recorda-me sempre que…

193. Firmes na fé.

por

Jesus,
sei que estás presente em nosso meio.
Tua palavra é força, ânimo e esperança.
Dá-me, Senhor, perseverança e

191. Prece pelo mundo

por ,

Pai do Céu, Sei que o sofrimento dos homens e das mulheres de hoje não são ignorados por teu coração bondoso. Sofridos e perdidos em meio à agitação de nossa sociedade, não faltam aqueles que desconhecem a força da fé.   Mas sei também, Senhor, que os homens e as mulheres deste tempo não estão […]

188.Caminha conosco

por

ó Pastor das almas cansadas,
carrega meus fardos.
não. Deixa meus fardos intocados,
mas caminha comigo, ao meu lado…

183. Salve Rainha

por

Salve Maria, mãe de misericórdia,
tu que foste humana como nós
e carregaste contigo as angústias e as alegrias da existência,
sê para nós um bálsamo que alivia…

175.Lonjuras

por

Cura-me, Senhor, das lonjuras, das distâncias intransponíveis, dos quilômetros ausentes. Livra-me do tempo escasso, da correria que impede abraços, que abarrota agendas, mas não aquece o coração. Dá-me, Senhor, o calor das mãos, o passo ligeiro para o encontro, o abraço apertado na chegada e a infinitude de possibilidades de um dia ver de novo. […]

174. Maria, pobre de Deus

por

Pobre de Deus e serva fiel, fostes vós a bem-amada, Maria de Nazaré. Simples e natural, ousaste fazer a experiência de Deus na escuta e na acolhida generosa da Palavra que faz viver. Mãe de Jesus e nossa mãe, bendito seja o Senhor que te criou mulher, figura inspiradora do ser humano. Tu estiveste tão […]

83. Superstição e correntes de oração

por

Tem ares de piedade, mas é pura superstição. Tem cara de cristianismo, mas é paganismo na certa. Tem fama de fé cristã, mas está bem longe da fé genuína. Estou falando das correntes de orações que se multiplicam nos ambientes católicos, ainda mais depois das redes sociais: uma vergonha! E isso não é …