Artigo por Juan Pablo García Martínez-SCJ

110 of 19 items

22. TAL MESTRE, TAL DISCÍPULO: O discipulado no Evangelho de Marcos

Este trabalho, que consta de três artigos sucessivos, faz uma leitura do Evangelho de Marcos a partir da chave-hermenêutica fornecida por Wilhem Wrede no seu célebre livro “O Segredo Messiânico” (1901). Com os ajustes necessários, a perspectiva de Wrede possibilita uma percepção mais clara e abrangente da poderosa – e misteriosa – mensagem de Marcos, expandindo os horizontes do leitor para além de uma abordagem superficial. Aliás, permite…

21. VAI PARA TRÁS DE MIM: A questão messiânica no Evangelho de Marcos

Este trabalho, que consta de três artigos sucessivos, faz uma leitura do Evangelho de Marcos a partir da chave-hermenêutica fornecida por WilhemWrede no seu célebre livro “O Segredo Messiânico” (1901). Com os ajustes necessários, a perspectiva de Wrede possibilita uma percepção mais clara e abrangente da poderosa – e misteriosa – mensagem de Marcos, expandindo os horizontes do…

20. Evangelho de Jesus Cristo, filho de Deus: As linhas mestras do Evangelho de Marcos

Este trabalho, que consta de três artigos sucessivos, faz uma leitura do Evangelho de Marcos a partir da chave-hermenêutica fornecida por Wilhem Wrede no seu célebre livro “O Segredo Messiânico” (1901). Com os ajustes necessários, a perspectiva de Wrede possibilita uma percepção mais clara e abrangente da poderosa – e misteriosa – mensagem de Marcos, expandindo os horizontes do leitor para além de uma abordagem superficial. Aliás, permite visualizar a…

15.Instruções complementares I (Mt7,1-12)

por

Como conclusão do ensinamento anterior, o evangelista reúne e costura diversas sentenças, que extrai tanto de Mc quanto da fonte Q. O resultado é um conjunto relativamente heterogêneo e, no entanto, significativo. Trata-se, de fato,das últimas instruções que o Mestre…

12. Muito mais que… (Mt5,21-48)

por

Na perícope anterior, o Mestre advertiu que ele não veio para abolir a Lei e os Profetas, mas para cumpri-los (cf. estudo 11). Não deveria surpreender-nos que, no relato mateano, tudo aconteça para realizar plenamente as Escrituras. Engana-se, contudo, quem reduzir o…

11. A perfeita alegria (Mt 5,1-20)

por

Com as bem-aventuranças, abre-se o primeiro grande discurso mateano, amplamente conhecido como Sermão da Montanha. Nesta pérola de apurada densidade teológica, Jesus interpreta autenticamente a Torah, recebida no Sinai e, como um novo Moisés, promulga…