Crônicas

1120 of 196 items

186. A árvore da vida

por

Nesses últimos dias, indo à casa de minha mãe, uma árvore me chamou atenção. Sinto-a me provocando sempre que passo por ela, como se me pedisse um poema. É que tudo está tão prenhe de vida que constantemente passam…

185. A visita indesejada

por

Todo mundo já recebeu uma visita inesperada, aquela que chega de mansinho e vai se instalando em hora inoportuna. A gente estava com o roteiro do dia feito, tudo planejadinho, e de repente, lá vem aquele amigo ou aquele parente distante apontando a cara no portão. O jeito é abrir a porta e…

184. Trabalho escravo

por

Quando parece que o trabalho escravo começa a ser erradicado no Brasil, quando a gente pensa que as leis vão se tornar mais severas e a fiscalização vai ser mais rigorosa punindo os patrões que exploram seus empregados, lá vem a carestia obrigando os pobres a se sujeitar a qualquer…

183. Indiferença

por

O dia amanheceu como todos os outros, exceto pelo fato de minha garganta estar inflamada exigindo-me um pouco de descanso e alguma medicação. Eu aproveitava que era sábado, semestre findo, para compartilhar com meus contatos um vídeo do…

182. Indigência fecunda

por

Em meio a tanta confusão no país, a gente nem sabe mais o que fazer, a quem apoiar, o que dizer. Andamos desconfiados de tudo e de todos. Por trás de um bom projeto, de uma boa causa, se escondem motivações perversas, assustadoras…

181. Projetos e sonhos

por

O que mais ouvimos atualmente são lamentos e expressões de desalento. Andamos todos meio desesperançados. O cenário mundial não é bom. Por todo canto, políticos oportunistas, com discursos de moralização, fecham os…

180. Palavra não dita

por

Quando uma palavra fica atravessada na garganta sem poder ser dita, a gente se transforma. De raiva. De estarrecimento. De indignação. O evangelista Marcos definiu bem essa experiência, no episódio do homem mudo: um possesso, a vítima de um diabo, um…

178. Fazer a hora

por

Conta a Escritura Sagrada que, quando o povo de Jerusalém foi deportado para a Babilônia, experimentou um desânimo de fazer dó. “Caiu na deprê”, como dizem por aí. Os deportados não queriam mais saber de trabalhar, nem de…

177. Força do toque

por

Uma das coisas mais gratificantes de se receber é o toque de alguém que amamos. Todo mundo gosta de um chamego. De um cafuné, de um toque carinhoso. Quando um corpo toca o outro, as vidas são misturadas; uma troca de energia, que vai além das explicações científicas, acontece. Na partilha do…