Crônicas

110 of 236 items

236. Inocentes do Leblon

por

Na semana passada, vimos nas redes sociais, nos jornais e nos noticiários televisivos, a triste realidade das avenidas e bares do Rio de Janeiro, lotadas de gente branca da classe média, se rejubilando de não respeitar nada nem…

235. Da cruz à suástica

por

Foi notícia na mídia, dias atrás, o processo que o presidente do Brasil decidiu mover contra o cartunista Aroeira. Com a sutileza e a esperteza dos mineiros, o desenhista retratou…

234. Catar e colar as sobras da vida

por

Seguimos vivenciando a inédita experiência de celebrar a fé cristã, com nossos templos físicos fechados mas formando uma grande Igreja, espalhada em cada casa, em cada lar. Apesar das inúmeras dificuldades, essa experiência tem sido…

233. Do desencanto à ação solidária

por

Temos vivido tempos de desencanto.  Nas ruas, o nosso povo padece faminto.Jogados nas calçadas, velados apenas pelo céu estrelado, os moradores de rua mendigam uma esmola ou dormem embrulhados em cobertores de jornais que…

232. Os olhos da fé

por

O cego estava rodeado de pessoas insensíveis à sua dor; viam-no  apenas como um homem à margem do caminho, um excluído da sociedade, sem voz, sem vez, sem lugar. Porém, para Jesus, Bartimeu não era apenas mais um na multidão….

231. Sob as cinzas da impunidade

por

Alguém me disse noutro dia que está cansado de tanta feiura. Realmente feíce pesa, cansa e dá desânimo. Não faltam no Brasil de hoje feiuras horrorosas, desanimadoras. A gente chega a ficar desalentado, pois são…

230. O esperado inesperado

por

Coisa boa é reencontrar alguém que amamos! Quando ainda podíamos fazer nossas viagens de férias, pois a ordem agora é se recolher em quarentena para salvar vidas, tive a oportunidade de hospedar-me na…

229. Inadaptações

por

Todos sabem que o cristianismo nasceu no berço do judaísmo. Dele herdamos infindas características. Do pai Abraão herdamos a fé monoteísta. Os doze apóstolos são uma referência ao novo Israel de Deus, que suplanta as doze…

228. Renovação

por

Nos últimos meses, fomos tomados por uma grande estranheza. A notícia de que um vírus ameaçava a vida humana foi paulatinamente tornando-se assunto na mesa, no local de trabalho e nos noticiários. Em pouco tempo, já não se falava em…

227. O quarto dia

por

Foi-nos imposta pela pandemia uma reclusão social jamais pensada. Qualquer pessoa minimamente lúcida e ajuizada, que pode trabalhar no sistema remoto, está recolhida em casa, na crisálida, aguardando a hora de sair do casulo e bater asas. Esperamos aquelas…