O medo muitas vezes nos impede de viver livremente, nos faz perder a naturalidade. Deixamos de realizar o que gostamos, ou até mesmo o que precisamos, em função do medo. Certamente, uma dose de medo pode ser saudável. Ele pode nos proteger do perigo e nos ajudar a preservar a vida.  Mas, na maioria dos casos, o medo tem função escravizadora e não libertadora. Normalmente ele é imaginário e não real. O livro A mão da Biluca retrata um medo imaginário, mas que causa muito sofrimento à personagem.Na obra, Mariazinha precisou de ajuda para desmascarar o monstro Biluca, que habitava na sua cuca. A escola pode ser espaço para falar dos medos e ajudar a superá-los. Do mesmo modo, também pode ser lugar propício para ajudar as crianças a respeitarem os medos umas das outras. Se sentir medo não é legal, amedrontar alguém é também uma coisa horrível e cruel. Com o medo dos outros não se brinca. Medo é coisa séria.

Preço: R$ 20,00 + frete

Adquira pelo e-mail: fiquefirmelivros@yahoo.com

Livro anterior:        7. O Pernilongo
Próximo livro:     9. O avião
Print Friendly, PDF & Email