Senhor,

Ainda que a vida maltrate,

Ainda que o bem só venha com esforço,

Ainda que a esperança seja apenas chama que fumega,

Quero continuar crendo.

 

Ainda que a treva ronde, pois eu já vejo penumbra,

Ainda que a tempestade venha, pois já escuto trovões,

Ainda que o vento sopre contrário, pois já o sinto em meu rosto,

Quero continuar crendo

 

Senhor,

Ainda que eu não veja a luz,

Ainda que me sejam tirados os sentidos da fé,

Ainda que tudo sinalize desesperança,

Quero continuar crendo.

 

E continuarei crendo, Jesus,

Para além dos sentidos,

para além das dores,

para além dos infortúnios…

Pois esperança e bem-aventurança, ó Deus de amor,

Somente em ti, minha força.

 

Amém!


Para rezar anterior:    78. Bendito sejais
Próximo para rezar:   80. Toca, Senhor!
Print Friendly, PDF & Email