Jesus revela-nos o rosto bondoso do Pai. A vida do Mestre mostra como a relação com a Trindade nunca foi por merecimento e/ou por privilégios. O evangelho nunca foi para alguns poucos. O amor de Deus não faz contabilidade nem se destina apenas a uma meia dúzia que observa os seus ensinamentos. A bondade de Deus extrapola os muros das instituições e faz fecunda a vida de todas as pessoas.


Versículo anterior:   244
Próximo versículo:   246
Print Friendly, PDF & Email