O profeta, desesperado e cansado, implora pela morte. Quantas vezes também nós nos encontramos nesse beco onde a única saída parece ser a morte. Somos assim, ora cheios de coragem, ora entregues ao cansaço de tanto lutar. A voz perde a força,  as mãos e os pés perdem a vitalidade e o coração precisa de um tempo para se recuperar. No relato, bíblico Elias sonha que um mensageiro de Deus o encoraja a enfrentar os dilemas da existência. A palavra de Deus é para nós alimento; ela nos fortalece para seguirmos decididamente ainda que cansados.


Versículo anterior: 232
Próximo versículo: 234
Print Friendly, PDF & Email