O convite do Mestre ressoa a nossos ouvidos, chamando-nos a promover a vida, a deixar costumes antigos, preconceitos e resistências inférteis, para lançar as redes em águas mais profundas, levando a todas as pessoas a proposta de uma vida com sentido, de um amor amado. O convite do Mestre é à vida e essa vivida com intensidade e paixão. Podemos passar a vida pescando apenas peixes, cuidando do próprio sustento e das nossas próprias coisas. Mas, como nos convida Jesus, podemos viver pescando muito mais, lançando as redes do carinho e da compreensão aos corações e convidando-os também à mesma profundidade.


Versículo anterior:      219
Próximo versículo:     221
Print Friendly
Print this pageShare on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on Google+0Email this to someoneShare on Tumblr0