Senhor,
quantas vezes tem nos faltado falta coragem
para levantar a voz e clamar com fé o teu nome,
pedindo que tenha compaixão de nós.

Senhor,
quantas vezes, o apego às coisas antigas
e ás pseudosseguranças tem nos impedido
de largar o que nos turva a visão
e ver a vida nova que teu amor nos proporciona!

Senhor,
não permita que o medo e a estreiteza de coração
nos impeçam de buscar em ti o amor
e a misericórdia que nos devolvem a dignidade.

Dá-nos, Senhor,
a graça da fé que afugenta o medo
e nos convida a, de maneira livre,
depositar em tuas mãos o nosso coração
e a nossa história para, junto de ti,
fazer um caminho novo em busca de vida nova.

Amém.


Para rezar anterior:    184. Sensibilidade profética 
Próximo para rezar:    186. Coragem do evangelho

 

Print Friendly
Print this pageShare on Facebook1Tweet about this on TwitterShare on Google+0Email this to someoneShare on Tumblr0