Pastor de almas calejadas,
conduz-nos às águas; 
cura, com teu bálsamo, 
nossos corações partidos, 
que só anseiam por mais amor.
Reúna-nos todos sob tua sombra, 
alivia as tensões, amaina a dor.
Buscamos sentido, dá sentido à vida;
dá vida abundante à vida; 
Resgata-nos dos abismos da covardia,
dos fundos poços da hipocrisia; 
das rubricas mortas, do palavrório 
sem tamanho e sentido. 
Salva-nos de nós mesmos,
do nosso egoísmo solipsista. 
mas não nos tira a dúvida, 
este nosso pecado necessário. 
Bom pastor de nossas vidas fatigadas,
vive junto a nós, não nos abandone
sem que nos deixe, ao menos, 
pastores que tenham nosso cheiro,
que sejam solidários às nossas dores,
que sejam humanos e não super-homens.
Dá-nos bons pastores companheiros,
homens de dúvidas, dores e amores,
que saibam ser gente para nos dar a ti
Pão, Evangelho, Misericórdia e Compaixão.

Amém!


Para rezar anterior:     169. Jesus sofredor
Próximo para rezar:  171. O avesso da cruz
Print Friendly, PDF & Email