Era uma vez um jovem rapaz, com dezoito anos, com o corpo sarado, bonitão e com imenso talento para o futebol. A família não o apoiava muito no esporte. Preferia que ele estudasse mais, fizesse alguma faculdade, virasse doutor em alguma coisa.

Mas ele enfrentou a família e decidiu: vou procurar um clube de futebol, bem importante, e fazer um teste. “Quero ser um grande atleta, um grande jogador de futebol, ganhar campeonatos, ir para a Europa, ficar muito rico”, dizia ele. E tomou esta decisão. Procurou o clube, passou no teste, assinou o contrato. Era, de repente, uma promessa do futebol brasileiro. Tinha alcançado sua primeira grande vitória ao passar no teste e assinar seu primeiro contrato.

A família comemorou. Os amigos comemoraram. O jovem comemorou. E nessas comemorações, fizeram um churrasco, à beira do rio. O jovem tomou umas e outras e, já meio alcoolizado, mergulhou de cabeça nas águas do rio. O rio não era muito profundo. O jovem bateu a cabeça em um banco de areia, quebrou a coluna e ficou paraplégico, numa cadeira de rodas.

Todos se comoveram e se sentiram frustrados com o acontecido. Como alguém tão jovem há de passar por tudo isso: num dia é um jogador contratado por um grande clube e no dia seguinte é um cadeirante sem a menor condição de entrar em campo!?

O jovem entrou em crise, brigou com Deus, com a vida, com tudo e com todos. Depois, caiu em si e viu que a vida haveria de prosseguir, mas de outra forma. Era preciso refazer suas decisões. Então, se lembrou de que também sabia cantar e tocar violão. E tomou a decisão de ser músico. Fundou uma banda. E em vez de ficar na cama ou na cadeira de rodas resmungando e reclamando da vida, decidiu ser feliz cantando e tocando. E virou um cantor, não de grande sucesso, mas com alegria suficiente para levar a vida adiante e cantar alegrando, com sua música, a todos que o ouviam.


Testemunho anterior:   15. História de uma conversão
Próximo testemunho:    17. Um amor maior que o mundo
Print Friendly
Print this pageShare on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on Google+0Email this to someoneShare on Tumblr0