Das mãos daquele que é o Bom só poderia sair coisa boa. Ao relatar a criação do mundo, o autor sagrado, de forma poética, vai elencando tudo que Deus fez: tudo bom, belo, harmonioso… Um dia depois do outro, uma obra depois da outra… E sua obra prima: o ser humano feito à sua imagem, homem e mulher. E suspirou: era tudo muito bom. Nascido do coração de Deus, que na mais plena liberdade nos fez por seu amor, louvemos a ele, o Bom, porque sua bondade nos atinge. Feitos por Aquele que é bom para sermos bons como ele.


Versículo anterior:    164
Próximo versículo:    166
Print Friendly, PDF & Email