Senhor, vossa Palavra chegou aos meus ouvidos como uma lança,
qual um raio sinuoso descido do céu, partiu-me ao meio.
Arrancou minhas certezas vãs, tirou-me a venda dos olhos
e mostrou-me a pura verdade.

A Verdade sóis vós, ó meu Deus.
É por vós que meu coração inquieto vagou a procurar.
Onde estáveis, meu Senhor, que não vos encontrei?

Onde estava eu a vos procurar?
Estava tão perto de mim e eu tão distante de vós.
Agora que vos encontrei e sei que vós sois a Verdade que desde sempre procurei,
peço-vos: ficai comigo, Senhor; permanecei em mim, Eterno Amor.

Amém!


Para rezar anterior:      138. Partiu o pão e me deu de comer
Próximo para rezar:     140. Segues tu conosco, Senhor
Print Friendly, PDF & Email