Demo glória e louvô

Ao minino nosso Deus.

Deus tão grande e pequenino

Que se iguala com os seus.


Poesia anterior:   99. Missa de Natal – Ato Penitencial
Próxima poesia:   101. Missa de Natal – Aclamação
Print Friendly, PDF & Email