Bem-vindo ao fiquefirme.com.br, um site de assessoria teológico-pastoral que pode ajudar você a fazer com mais firmeza a sua caminhada de discípulo de Jesus.

Novos Artigos

4. Mistérios da vida

Enquanto eu atendia seu João no terreiro de chão batido, sob a luz da lua,
A menina Peinha cantava e rezava com o povo no interior da capela.
Seu João vinha pedir sustento para o corpo e buscar…

157. Deus, meu Pai

m Jesus, meu santuário, me abri a ti, ó Pai,
e fui tomado pelo Espírito até o âmago de minha alma.
Todo meu ser anseia ser consumido de amor.
Mesmo imperfeito, fragmentado…

Publicidade

Poesia

MISTÉRIOS DA VIDA

(Solange do Carmo)

Enquanto eu atendia seu João no terreiro de chão batido, sob a luz da lua,
A menina Peinha cantava e rezava com o povo no interior da capela.
Seu João vinha pedir sustento para o corpo e buscar alívio para a alma.
Peinha piedosa contemplava os mistérios gozosos do terço da Virgem.

Seu João desfiava em meus ouvidos a ladainha de ais da via sacra de sua vida,
E recitava mistérios dolorosos de sofrimentos concatenados em série,
cuja lógica me escapava mais que a encarnação que Peinha anunciava
e me fazia crer que o gozo era reservado à Virgem Maria, e a dor a seu João.

Peinha dizia convicta ao povo que o anjo Gabriel baxô e sodô Nossa Senhora.
Simpático esse enviado de Deus, que se digna a cumprimentar a jovem Maria.
Parece pedir licença para fazer o que seu nome indica e cumprir sua tarefa.
Eu, no terreiro, pensava em meu nome e em como me tornar consolação.

Peinha não sabe nada da encarnação; pra ela esse é só um nome difícil.
Difícil pra seu João é a vida encarnada, que caminha para a crucifixão.
Eu, que me dedico por meio da teologia a meditar os mistérios salvíficos,
admito não saber explicar a reza de Peinha e nem a vida de seu João em agonia.

Eu creio sim

Publicidade

Fiquefirme no Facebook

Versículo Bíblico

“Estive contigo em toda a parte por onde andaste” (2Sm 7,9).

Bom mesmo é sabermos que não estamos sozinhos na aventurosa jornada da existência, que o Senhor nosso Deus que armou sua morada no meio de nós segue conosco; que seu Espírito encorajador é força no caminho que nem sempre é tão florido. Bom mesmo é saber que nosso Deus dá rostos ao seu amor, nos cuidando naqueles que conosco assumem a exigente tarefa de existir e de anunciar que a vida pode ter tons de esperança.